HomeBerçosBerço Mila é o primeiro a seguir as novas regras do Inmetro
branco-fechado

Berço Mila é o primeiro a seguir as novas regras do Inmetro

Inmetro lança novas regras para berços, e o Berço Mila é o primeiro a seguir as novas normas. Atendendo as recomendações do Departamento Científico de Segurança da Sociedade Brasileira de Pediatria, o Berço mini cama 3 em 1 Mila, segue todas as exigências do novo regulamento. Ele possui o estrado inteiriço, as grades laterais fixas e todas as bordas do berço são arredondadas – obedecendo as especificações do Inmetro para evitar acidentes. O modelo foi lançado pelo Grão de Gente, loja online especializada em enxoval e decoração para quarto de bebê.

Berço Mila com novas regras do Inmetro.

Berço Mila segue as novas regras do Inmetro. Multifuncional, o modelo também vira mini cama e sofá

A nova portaria 53 do Inmetro está valendo desde fevereiro de 2016. Ela amplia o rigor das regras de segurança dos berços infantis, incluindo a certificação de berços pendulares, berços de balanço e de modelos com menos de 90 centímetros de comprimento e proibindo as grades laterais móveis nos produtos.

“O aperfeiçoamento dos regulamentos é contínuo, visando a oferecer cada vez mais segurança, acompanhando a evolução dos produtos no mercado. Isso não quer dizer, porém, que o berço certificado já adquirido é inseguro. Estamos apenas aumentando o rigor, deixando mais claras as orientações aos consumidores, por meio de marcações e advertências obrigatórias e especificações do produto”, destacou Leonardo Rocha, chefe da Divisão de Regulamentação Técnica e Programas de Avaliação da Conformidade (Dipac) do Inmetro.

O novo regulamento foi publicado no Diário Oficial da União e aprovado depois de uma consulta pública sobre o tema. Fabricantes e importadores ainda têm o prazo de um ano para deixar de fabricar e comercializar berços fora das especificações técnicas atuais. Enquanto as lojas têm dois anos para acabar com o estoque de produtos que não seguem a regulamentação.

O Berço Mila tem a superfície uniforme e lisa. Devido ao material utilizado e a pintura, reduz a porosidade do móvel e facilita a limpeza.

Devido aos materiais usados, o Berço Mila é mais fácil de limpar

Com muita dedicação e estudos, o material escolhido para a fabricação da estrutura do Berço Mila foi o MDF, que possui ótima resistência mecânica e alta durabilidade. Para o estrado, a Grão de Gente optou pelo HDF, que tem alta densidade e suporta mais peso, proporcionando uma base mais estável para o colchão do bebê.

“O aperfeiçoamento dos regulamentos é contínuo, visando a oferecer cada vez mais segurança, acompanhando a evolução dos produtos no mercado. Isso não quer dizer, porém, que o berço certificado já adquirido é inseguro. Estamos apenas aumentando o rigor, deixando mais claras as orientações aos consumidores, por meio de marcações e advertências obrigatórias e especificações do produto”, destacou Leonardo Rocha, chefe da Divisão de Regulamentação Técnica e Programas de Avaliação da Conformidade (Dipac) do Inmetro.

Diferenciais do Berço Mila

Ficou interessada? A Grão de Gente possui duas opções de cores do Berço Mini Cama 3 em 1 Mila. A primeira é o berço todo branco em alto brilho, com a pintura feita em camadas de verniz foto-curado (UV) de composição atóxica, que não apresenta riscos à saúde do bebê. A segunda opção traz detalhes amadeirados Carvalho Montreal com revestimento melamínico de qualidade. Outro diferencial do berço Mila é a superfície totalmente uniforme e lisa. Devido ao material utilizado, o acabamento e a pintura ficam perfeitos, o que reduz a porosidade do móvel e assegura a limpeza absoluta do berço.

Compartilhe:
Classifique este artigo

Berço é um bate papo diário sobre o mundo da maternidade! No nosso blog, você encontra dicas e curiosidades sobre berços de todo o mundo, inspirações para decorar o quarto de bebê e avaliações completas dos produtos. Nosso intuito é te ajudar e inspirar na hora de escolher os móveis e a decoração do cantinho mais especial da sua casa!

redacao@berco.com.br

Comentário
  • Oi este berço a grade dele abaixa

    19 de julho de 2017

Deixe um comentário